Coworking em Curitiba: conectando os coworkings de Curitiba.

15/04/2022

Conheça o projeto que conecta e apoia o ecossistema de coworking de Curitiba. o mercado de coworking curitibano está reagindo fortemente e apresenta hoje um cenário que atesta a consolidação do modelo coworking.

A odisséia do coworking em Curitiba.

Os espaços de coworking em Curitiba, em que profissionais de diferentes empresas e setores da cidade trabalham de forma colaborativa, estiveram em um momento de inflexão. Por conta da pandemia, estes empreendimentos viram a demanda cair e tiveram de adaptar o negócio para entregar um valor para além da presença física. Com princípios de retomada econômica, o crescimento deste setor volta a acelerar, porém será necessário mais uma vez reinventar a maneira que pessoas e empresas trabalham.

Coworking em Curitiba na Pandemia

coworking em curitiba - coletiza fechou na pandemia
Coletiza

De acordo com o portal Whow, Em um levantamento realizado no Brasil em julho do ano passado, 57% dos escritórios colaborativos haviam perdido ao menos 60% do faturamento. Outros 40% relataram perdas de pelo menos 15% da receita. E somente pouco mais de 2% não sofreram impacto no período.

Dados como estes se refletem em pesquisas globais, que mostraram um encolhimento do mercado de coworking. A estimativa caiu de US$ 9,27 bilhões em 2019 para US$ 8,24 bilhões em 2020, o que corresponde a uma diminuição de 12% em um ano.

Mesmo após a reabertura dos escritórios, seis a cada dez gestores dos espaços de coworking não se sentiam totalmente seguros em recomendar a volta ao trabalho para seus clientes. Foi o caso dos espaços da Aldeia Coworking em Curitiba, que fecharam antes do lockdown oficial na cidade, por medida de segurança, e retomaram gradualmente sua ocupação durante dois anos até voltar a lotar em 2022.

Por outro lado, mais de 70% se disseram otimistas em relação ao futuro do mercado de coworking. Novamente, este comportamento está alinhado aos estudos globais, que estimam que o setor vai voltar a crescer mais de 11% ao ano até 2023, até atingir US$ 11,5 bilhões em valor de mercado.

A retomada do coworking curitibano.

aldeia coworking em curitiba
aldeia.cc

O propósito deste projeto.

coworking curitibano Nex casa de pedra
nex.work

Porém, a com a adoção da vacinação na cidade e a eficiência do controle da pandemia, depois de amargar prejuízos e mesmo fechamento de unidades nos primeiros meses da pandemia em toda a cidade, o mercado de coworking curitibano está reagindo fortemente e apresenta hoje um cenário que atesta a consolidação desse modelo, favorecido sobretudo pela adesão cada vez maior ao formato híbrido de trabalho.

Seguindo as premissas do Manifesto Coworking, este projeto tem como missão apoiar a retomada da cultura do coworking em Curitiba. Para isso, atuamos seguindo 3 pilares:

  1. conectar todos os espaços em uma listagem única e amigável. Esta iniciativa tem como principal objetivo ajudar interessados em aderir ao modelo de coworking na busca e escolha do seu espaço ideal, apresentando todo o leque de opções da cidade. Se você sente falta de algum espaço, basta cadastrar ele aqui. Se você faz parte da gestão de um dos espaços cadastrados e quer atualizar informações, basta solicitar propriedade do espaço na página do espaço.
  2. fomentar a cultura coworking na cidade através de conteúdo educativo e eventos.
  3. desenvolver conhecimento e informação sobre o ecossitema de coworkings em Curitiba.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.